Novidades

REALIDADE VIRTUAL PARA O BEM

22.01.2018No maior Festival de Arte e Criatividade da América Latina, o que não faltou foi tecnologia e experiência.

Um evento #ComEmoção onde foi possível conhecer e reconhecer várias coisas. Como exemplo, a Realidade Virtual ou Virtual Reality, em inglês, que é uma tecnologia que já está muito mais próxima da gente com os vídeos 360 no Facebook, por exemplo, mas que estão sendo utilizados para fins muito mais significativos. Veja só!

Um projeto IN-CRÍ-VEL que conheci por lá foi o “VR For Good” que é um projeto da Oculus, uma empresa que funciona dentro do Facebook desenvolvendo realidade virtual. O projeto recebeu 10 equipes de filmmakers e instituições sem fins lucrativos, escolhidas em nível mundial, para um treinamento que tinha como objetivo ajudar as equipes a filmar e produzir vídeos 360o sobre causas sociais que essas ONGs trabalham.

No evento do Pixel Show os estúdios ARVORE e a O2 Filmes  estiveram presentes e o diretor Ricardo Laganaro contou um pouco da sua participação no projeto, que aconteceu junto com a ONG Defy Ventures – que tem um programa de treinamento que trabalha questões como empreendedorismo e o desenvolvimento de caráter para homens, mulheres e jovens atualmente e anteriormente encarcerados em prisões de segurança máxima nos EUA.

A Defy reconhece que muitos ex-traficantes e líderes de gangues podem se tornar empresários legais bem-sucedidos. A ONG oferece desenvolvimento de liderança intensivo, competições de planos de negócios com estilo Shark Tank, mentoria executiva, investimento financeiro e incubação inicial. Oferecendo aos empreendedores em treinamento uma chance legítima de ter sucesso para se tornarem empresários rentáveis, funcionários exemplares, pais envolvidos e modelos de liderança em suas comunidades.

Foto divulgação Defy Ventures | volunteer.defyventures.org/

Para desenvolver o projeto, o diretor Ricardo Laganaro com sua equipe ficaram duas semanas e gravaram em 2 prisões diferentes diversas atividades dos presos. Laganaro explica que através do VR podemos ir para lugares que nunca se poderia estar e a prisão de segurança máxima é algo que muita gente tem curiosidade de saber como é. O VR também nos faz ter empatia e, de fato, nos colocar naquele ambiente e ajudar a entender um pouco de como é estar em determinada situação. A ideia é que esses filmes gerados no projeto sejam vistos em VR e sirvam para divulgar o formato e mostrar como é apresentar histórias fortes através dele.

Assista ao vídeo com fones (o áudio está em inglês), se você tiver um par de óculos VR, melhor ainda para vivenciar uma experiência bem emocionante!

Enjoy it! <3

"Step to the Line"

You need stop scrolling through your News Feed and watch the #WorldPremiere of our "Step to the Line" virtual reality film!! "Step to the Line" is a compelling story of consequences, second chances, and hope that uses the power of #VR to explore the ways lives are changed when someone serves time in prison. Huge thanks to Oculus VR for Good and filmmaker Ricardo Laganaro for bringing to life the transformational impact of Defy Ventures' work inside prisons. Check out "Step to the Line" at Tribeca Film Festival too! #Tribeca2017

Publié par Defy Ventures sur dimanche 23 avril 2017

 

E pra fechar, deixo aqui uma frase muito inspiradora de Catherine Hoke, fundadora e CEO da Defy Ventures:

“Nós somos todos ex-alguma coisa. Eu gostaria que pudessemos perguntar a nós mesmos: ‘Como seria se eu só fosse conhecido pela pior coisa que fiz?’ Movidos pela empatia, reconheceríamos as pessoas por quem elas são hoje e não pelos erros cometidos ontem. Milhões com histórias criminosas desbloqueariam seu potencial “.

TAGS: ,


Debora Reinert - Curtindo Muito Criar